SISTEMA ONLINE DE ACOMPANHAMENTO DE CONGRESSOS, Congresso Internacional DIPROling 2018

Tamanho da fonte: 
Motivações de alunos universitários na aula de inglês: inter-relações com a prática docente
Beatriz Gontijo Campos

Última alteração: 2019-07-27

Resumo


O presente trabalho se propõe a investigar as inter-relações entre a prática docente e as motivações de alunos em uma sala de aula de língua inglesa de um curso institucional de idiomas. Através dessa investigação, objetivamos compreender o papel do professor em relação à motivação dos alunos na sala de aula analisada, identificar quais práticas influenciam a motivação do aluno e, por fim, oferecer sugestões para que professores de língua inglesa possam maximizar a motivação de seus alunos. Para isso, foram coletados dados em uma sala de aula de inglês do Programa Idiomas sem Fronteiras (IsF) da Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ). A análise dos dados, então, foi feita de modo qualitativo, tomando como base as considerações de Boruchovitch (2009), Ushioda (2003), e Pintrich & Schunk (2002) acerca da motivação na aprendizagem, e a interpretação feita por Bambirra (2009) do modelo processual de Dörnyei & Ottó (1998), atualizado por Dörnyei (2001).

Texto completo: PDF