SISTEMA ONLINE DE ACOMPANHAMENTO DE CONGRESSOS, Congresso Internacional DIPROling 2018

Tamanho da fonte: 
O despertar para as línguas como ferramenta de consolidação do estudo do tipo textual narrativo
Érica Sarsur Câmara, Carlos Aparecido Lima

Última alteração: 2019-07-27

Resumo


O presente relato busca apresentar uma atividade de despertar para as línguas realizada junto a três turmas de 6º ano do Ensino Fundamental (11-12 anos) de uma escola situada em uma região socioeconomicamente desfavorecida da cidade de Belo Horizonte (Brasil). Inserida no programa das aulas de Língua Portuguesa, cujo conteúdo programático era o tipo textual narrativo, foram apresentadas aos alunos a letra e posteriormente o videoclipe de duas músicas francesas. A partir da leitura e compreensão da música, os alunos as retextualizaram, transformando-as em textos narrativos. O resultado foi positivo, no sentido de a tarefa ter sido cumprida satisfatoriamente por quase a totalidade dos alunos e pelo fato de eles terem se interessado e se envolvido emocionalmente com os enredos das canções.

Texto completo: PDF